1. VACINAÇÃO COVID – Embora não sendo obrigatória, a grande maioria dos países está cobrando vacinação COVID. Muitos locais no Brasil, como São Paulo, por exemplo, também estão exigindo comprovante vacinal para frequentar restaurantes e eventos. EVITE PROBLEMAS E ESTEJA COM SUAS DOSES EM DIA.

 

 

2. QUAL VACINA DEVO UTILIZAR PARA VIAJAR? – NÃO DEVEMOS NOS VACINAR SÓ PARA VIAJAR! Porém, infelizmente, a nossa Coronavac ainda não está sendo aceita em qualquer localidade. PROCURE O MÉDICO DE VIAGENS E SE INFORME MELHOR. O Brasil permite a imunização de viajantes de acordo com o país a ser visitado. Antes de comprar suas passagens, procure saber em sites oficiais do local a ser visitado se a sua vacinação será aceita como imunizante. Cada país tem suas próprias regras, ainda não há padronização internacional para esta questão.

CANADÁ – aceita coronavac

 

3. EXIGÊNCIAS PARA ENTRADA NOS PAÍSES – Isso também está ainda muito confuso. Cada local tem suas próprias regras. Para entrar no Canadá e no Brasil, por exemplo, é necessário o preenchimento prévio de questionário virtual, além da realização de exames. Fique atento a isso, de acordo com as regras de cada localidade.

ITÁLIA – exigências rígidas ainda vigentes

 

4. CERTIFICADO DE RECUPERAÇÃO DA COVID – Para alguns países (Como EUA e Canadá, por exemplo), se você teve COVID mais ou menos de 15 a 180 dias antes de seu embarque, e seu exame prévio à viagem der resultado positivo, será aceito um relatório médico constando os dados sobre sua recuperação. Isso ocorre porque os exames COVID podem persistir detectáveis por tempo prolongado, mas não quer dizer que ainda há risco de contágio. PROCURE O MÉDICO DE VIAGENS PARA MELHORES ESCLARECIMENTOS. Lembre-se de que tal conduta não é aceita para qualquer localidade.

EUA – certificado de recuperação COVID funciona bem.

 

5. MÁSCARAS – uma conduta que ainda será exigida por um bom tempo. PREFIRA MÁSCARAS CIRÚRGICAS OU N95/PFF2. Elas protegem melhor do contágio, muitos países já estão relaxados demais…o uso de máscara juntamente com a vacinação são as medidas mais eficazes contra as formas graves de COVID-19.

 

CANADÁ – 2022

 

6. EXAMES PRÉ-VIAGEM – Essa exigência também deve persistir por um bom tempo e cada país tem suas próprias regras, não há nada padronizado. Geralmente, se exige um RT-PCR ou teste de antígeno dentro de 24 a 72 horas antes de embarque. Essa medida ainda é polêmica já que estes exames podem ter resultados falso-positivo ou falso-negativo. Ou seja, uma pessoa contaminada pode estar viajando do seu lado. USE MÁSCARA CIRÚRGICA/N95/PFF2.

 

 

7. CERTIFICADO DE VACINAÇÃO COVID – tenha sempre em mãos o certificado de vacina covid disponibilizado pelo aplicativo CONECT SUS. Somente o cartão de vacinação não vale. Tenho o certificado digitalizado no seu celular e leve também uma via impressa. Em muitas localidades, para frequentar restaurantes e atrações turísticas há necessidade de apresentação do certificado.

CANADÁ/2022 – certificado vacinal exigido até para visitar parques.

 

8. VACINAÇÃO DE CRIANÇAS VIAJANTES – A imunização do público infantil contra a COVID vem se expandindo pelo planeta. Isso é ótimo e, com isso, as famílias devem ficar atentas com as exigências de cada localidade, as quais estão mudando de forma breve. Com relação ao tipo do imunizante, a Pfizer está sendo melhor aceita do que a Coronavac. Sendo assim, para os baixinhos viajantes é mais seguro optar pela imunização com a vacina da Pfizer.

 

9. NÃO VIAJE, DE FORMA ALGUMA, SE VOCÊ APRESENTA SINTOMAS DE COVID. SE É CONTATO DE ALGUÉM COM COVID, aguarde 5 dias e faça o teste de antígeno ou RT-PCR; se negativo, você poderá sair do isolamento e viajar.

 

10. VERIFIQUE, SEMPRE, AS REGRAS SANITÁRIAS DE CADA PAÍS ANTES DE DEFINIR SUA VIAGEM. HÁ DIVERSOS LOCAIS DO MUNDO ONDE A ACEITAÇÃO DE BRASILEIROS ESTÁ SENDO EXPANDIDA A CADA DIA, JÁ QUE O BRASIL É O PAÍS QUE MELHOR VACINA NO MUNDO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *