FINALMENTE, NÉ? Para muitas pessoas, demoramos para conhecer o “maravilhoso mundo de Disney”, nos Estados Unidos.Para esta viagem com MIGUEL E HELENA, aproveitamos o feriado de 12 de outubro (Nossa Senhora Aparecida – Padroeira do Brasil), sendo bem legal porque esta foi a primeira vez que nos aventuramos pelo planeta em grupo, na companhia das coleguinhasLÍVIA e LARA e dos seus papais. Seguindo as orientações do livro da mamãe, PELO MUNDO COM CRIANÇAS, e aproveitando as inúmeras dicas da internet, a viagem foi organizada e curtida pela turma toda.

ESTA VIAGEM A ORLANDO FOI ORGANIZADA COM 10 MESES DE ANTECEDÊNCIA; RECOMENDO QUE ISTO SEJA FEITO COM PELO MENOS 6 MESES DE PRAZO POIS TUDO É MAIS FÁCIL, HÁ PROMOÇÕES E, AFINAL DE CONTAS, A VIAGEM JÁ COMEÇA ANTES MESMO DELA ACONTECER. ISSO É BEM GOSTOSO. NESTA POSTAGEM VOU TENTAR DEMONSTRAR TUDE O QUE SENTIMOS E CURTIMOS PELOS PARQUES DE ORLANDO, E ALGUMAS PESSOAS PODEM ATÉ ESTRANHAR, MAS NÃO PERCEBEMOS AS MIL MARAVILHAS QUE TANTOS BRASILEIROS COMENTAM SOBRE O MUNDO DE DISNEY. O ENCANTAMENTO EXAGERADO QUE DIVERSAS PESSOAS DIZEM VIVENCIAR NÃO ME PARECEU ISENTO DE PONTOS NEGATIVOS. SENDO ASSIM, ANTES DE TUDO, VOU DESCREVER OS PONTOS POSITIVOS E NEGATIVOS SOBRE OS PARQUES DA DISNEY QUE EXPLORAMOS: HOLLYWOOD STUDIOS, MAGIC KINGDOM E ANIMAL KINGDOM (ALÉM DO EPCOT, POR ONDE LÍVIA E LARA TAMBÉM SE AVENTURARAM). ME PERDOEM OS FÃS DA DISNEY, MAS NÃO POSSO DEIXAR DE MOSTRAR AQUI NO BLOG A REALIDADE QUE VIVENCIAMOS. MAS UMA COISA É CERTA, VALE A PENA CONHECER!

# PARQUES DA DISNEY – PONTOS POSITIVOS:

  1. Os 3 primeiros fastpass, que podem e devem ser marcados com antecedência pela internet, funcionam muito bem;

Mamãe e Helena curtindo o Buzz Lightear’s Space Ranger Spin com fast pass no Magic Kingdom  

  1. Os banheiros são limpos, organizados e sem filas, apesar dos parques lotados;

  2. O jantar com a Cinderela e suas amigas princesas no Cinderella’s Royal Table (Magic Kingdom) é sensacional, realmente vale o alto preço (não esqueça sua máquina fotográfica pois a Disney não disponibiliza profissionais para isto);


  3. Cinderela recepciona todos os convidados no hall de entrada
  1. Selecione no cardápio o seu jantar
  1. ENQUANTO APRECIA UMA BOA COMIDA, AGUARDE NA MESA A VISITA DAS PRINCESAS DA DISNEY:
  1. FINALIZE A NOITE COM UMA DELICIOSA SOBREMESA:

” Monte seu próprio cupcake!”

  1. A Bibbidi Bobbidi Boutique é realmente imperdível! Com unidades no Magik Kingdom e na Disney Springs, este lugar transforma as meninas em princesas de uma forma mágica e divertida:

  1. Confirme a reserva ou marque seu horário com a fada madrinha da recepção;
  1. Troque de roupa numa sala especial na companhia da Fada Madrinha da Cinderela;
  1. Continue sua transformação…
  1. E se descubra uma linda princesa!
  1. O show de fogos do Magic Kingdom vale o ingresso;

  1. Há muitos bebedouros nos parques;

  2. O espanhol é bem falado nos parques, isto facilita bastante para nós brasileiros;

  3. Pagar pelo Memory Make (fotos à vontade) vale a pena, funciona mesmo;

  1. As fotos tiradas no parque são lindas e disponibilizadas rapidamente na internet;
  1. A maioria dos funcionários são cordiais;

  2. Os shows são imperdíveis;

  3. Espaços ideais para encontro com princesas e demais personagens da Disney.

# PARQUES DA DISNEY – pontos negativos:

  1. Os parques estavam muito cheios em outubro, uma época geralmente descrita pelo próprio site da Disney como média temporada e mais tranquila para as visitações;

Parada no Magic Kingdom (espaço, mesmo, só na pista rsss)

  1. A estrutura para se entrar nos parques é muito complicada, uma fila enorme e seguranças olhando mochila por mochila – poderia se implantar um sistema de sondagem como os dos aeroportos, similar ao que é feito na entrada dos parques da Universal, mais rápido e seguro;

  2.  Os parques da Disney, apesar de bonitos, são desconfortáveis, com pouco espaço para descanso;

“O Castelo da Cinderela é lindo, mas sentar e apreciá-lo é bem difícil!”

  1. Há pouco espaço com sombra;

  2. Marcar fast pass, após usar os 3 primeiros, é difícil, mesmo pelo aplicativo da Disney;

  3. Se você não tem fast pass, as filas para os brinquedos são bem demoradas, algumas chegando a 3 horas de espera!

” Conhecer  a atração Pandora – The World of Avatar no Animal kingdom vale a pena, mas esperar 3 horas para voar num dragão banshee, não dá.”

  1. Há poucos brinquedos nos parques da Disney, em se comparando com os parques da Universal;

  2. Para comer, também há muita fila, além do que não há comida boa; como a maioria dos parques, o fast-food é a regra;

  3. Os preços das lojinhas são bem altos;

  4. No Epcot, pessoas bêbadas não são incomuns;

  5. A saída do Magic Kingdom, após o show de fogos, é horrível – tumultuada, insegura, demorada e desorganizada; discussões e brigas podem ser observadas e isto torna este tour inseguro para os pimpolhos;

Saída do Magic Kingdom . “Uma fila que dá medo…”

  1. Os ingressos são bem caros pelo que oferecem – esperávamos bem mais.
    ________________________________________________________________

PARA ORLANDO, TAMBÉM RESERVAMOS 2 DIAS PARA APROVEITAR OS PARQUES DA UNIVERSAL E 1 DIA PARA O SEAWORLD, SENDO QUE NESTES LOCAIS CONSEGUIMOS NOS DIVERTIR BEM MAIS. SENDO ASSIM,UMA DICA IMPORTANTE QUE DEIXO AQUI É: NÃO PERCA OS PARQUES DA UNIVERSAL NEM O SEAWORLD. APROVEITE AS ORIENTAÇÕES ABAIXO E DIVIRTA-SE!


  1. Os parques da Universal e o SeaWorld são mais vazios e confortáveis. Além disto, possuem melhores espaços sombreados e para descanso;

Miguel, Helena e Milhouse – Universal Studios

Lara e T. Carmelinda no SeaWorld

  1. DICA LEGAL: Compre ingressos para os 2 parques da Universal: Universal Studios e Universal Island – é possível, num mesmo dia, aproveitar os 2 espaços pois se localizam um ao lado do outro; pegue o trem do Harry Potter e troque de parque em grande estilo. No entanto, para curtir melhor essa escolha, pague mais caro pelo ingresso rápido (express – dá para comprar pela internet ou lá mesmo- US$ 89,90 por pessoa, 1 vez\brinquedo – out\2017; há também a opção de pagar para usar qualquer brinquedo por quantas vezes quiser); assim, não há demora;


  1. As filas são bem menores do que as dos parques da Disney – as mais longas chegam a 1 hora de espera;

  1. Há muito mais brinquedos nos parques da Universal do que nos parques da Disney;
  1. O encontro com os personagens nos parques da Universal (Simpsons, Bob Esponja, Patrik, Dora a aventureira, Minions e outros astros dos studios Universal) são mais organizados do que nos parques da Disney;
  1. DIFERENTEMENTE DO QUE MUITA GENTE PENSA, HÁ VÁRIOS BRINQUEDINHOS BEM LEGAIS PARA CRIANÇAS PEQUENAS NOS PARQUES DA UNIVERSAL, COMO O ESPAÇO DO GEORGE, O CURIOSO (UM BRINQUEDO MOLHADO INCRÍVEL, NA ÁREA WOODY WOOPECKER’S – UNIVERSAL STUDIOS) E OS DAS ÁREAS SEUSS LANDING E TOON LAGOON – UNIVERSAL ISLAND. VALE A PENA CONFERIR;
  1. Há opções mais gostosas e confortáveis para comer no SeaWorld;

  2. Os shows com as baleias e golfinhos do Sea World são imperdíveis, bem como as montanhas-russas; não perca o Kraken, a primeira montanha-russa com realidade virtual do mundo!
  1. Há brinquedos que molham bem legais nos parques da Universal, então leve capa para se proteger. Porém, há cabines para secagem automática por lá, que são bem úteis, mas para usar é preciso pagar (US$ 5,00 por 10 min – a cabine cabe uma família de 4 pessoas – out\2017);

  2. No SeaWorld, apesar do ponto forte serem os shows, montanhas-russas e visita a bichos, há outros brinquedos legais para todas as idades;

SEAWORLD

  1. Comer um donut pelas ruas de Springfeld ou experimentar um drink sem álcool no Bar do Moe é uma diversão imperdível no Universal Studios;

  1. As lojinhas que vendem todas as lembrancinhas dos brinquedos e atrações dos parques da Universal e do Seaworld também são caras e resisti-las pode ser difícil.

Lojinha do Bob Esponja – Universal Studios

O OBJETIVO MAIOR DESTA VIAGEM FOI EXPLORAR OS PARQUES EM ORLANDO COM AS CRIANÇAS, É CLARO. SELECIONAR ONDE IR É UMA TAREFA ÁRDUA, BEM COMO A AQUISIÇÃO DOS INGRESSOS, FAST PASS, RESERVA PARA REFEIÇÃO COM PERSONAGENS NOS PARQUES, ETC. SENDO ASSIM, SUGIRO QUE TUDO SEJA FEITO COM ANTECEDÊNCIA E AQUI TRAGO ALGUMAS DICAS LEGAIS PARA FACILITAR ESTE PROCESSO:

#  Estude sobre os parques para escolher quais vai querer visitar; o ideal é pelo menos um dia para cada parque;

Animal kingdom

# Há vários sites/blogs que direcionam muito bem os passeios pelos parques de Orlando. Optamos pelovaipradisney.com porque foi o mais completo e com muitas sugestões valiosas;

# A compra dos ingressos pode ser feito por diversos sites ou agências; comprar diretamente da Disney pode ficar um pouco mais em conta, mas não dá para parcelar;

# Há um aplicativo para celular pelo qual você consegue falar, via hangout, sem pagar nada, com os atendentes dos parques da Disney, que falam em português (brasileiro) e são sempre solícitos e esclarecem muitas dúvidas – 1 407-939-7765;

# Reservar uma refeição com personagens da Disney não é impossível como muita gente pensa; com antecedência dá pra fazer isso sim! A reserva mais disputada é com a Cinderela, em seu famoso castelo; é preciso ser insistente e iniciar estas buscas com pelo menos 6 meses de antecedência; nós conseguimos marcar 3 meses antes – muita insistência e pura sorte. A maneira menos complicada de fazer isto é ligando para os parques (via hangout) ou pelo site oficial da Disney, versão em inglês. Insista, pois é maravilhoso!

# FAST PASS (Parques da Disney) –

       – Fundamental!

       – Não há cobrança adicional pelos fast pass.

      – Só pode ser marcado com 30 dias antes de seu dia de visitar aquele parque específico, no site oficial da Disney; por exemplo, se sua visita para o Magic Kingdom está marcada para 12/10, então você só pode marcar os fast pass para este parque a partir de 12/9. Sugiro que faça o quanto antes puder! Para selecionar quais atrações premiar com fast pass, siga as dicas do site vaipradisney.com.

       – Cada pessoa só pode marcar, com esta antecedência de 30 dias, 3 fastpass; outros somente poderão ser marcados lá na Disney mesmo (nos quiosques do parque ou por aplicativo), após usar os 3 já marcados.

# Comprar fantasias nos parques da Disney é caro, então leve a sua própria de casa ou compre lá nos EUA, em supermercado ou outlet, pois é bem mais em conta. As meninas AMAM desfilar pelos parques com suas roupas de princesa.

# Pode-se fazer um tour VIP personalizado pelos parques da Disney, com guias que te acompanham durante todo o trajeto e onde você tem direito de entrar em qualquer atração sem enfrentar fila alguma – MUITO CARO! Além de pagar pelo ingresso do parque, você ainda tem que pagar à parte por este serviço, geralmente por hora, sendo no mínimo 4 horas, e por pessoa. Confira.

# Optar por se hospedar num dos resorts da Disney é uma escolha mais confortável para curtir os parques.

# Para os parques da Universal há a possibilidade de pagar um valor a mais por pessoa, além do valor de cada ingresso, que lhe permite curtir as atrações sem enfrentar filas (express); para o Seaworld há uma opção semelhante – vale a pena!

Universal Studios

# Em Orlando, altas temperaturas são registradas, portanto não esqueça do protetor solar, bonés, chapéus e muita água para os baixinhos.

 

# Dias de parque podem ser bem cansativos, então tirar um dia para relaxar com outras atividades pode ser bem legal.

# Não deixe de ir na Disney Springs e na Universal CityWalk; são espaços deliciosos para caminhada e com boas opções de restaurantes ( Sugiro: T-Rex na Disney Springs e Margaritaville na Universal CityWalk). Prefira visitá-los nos horários em que os parques estão abertos porque há menos gente circulando por lá, o que torna estes espaços bem mais agradáveis.

Margaritaville

T-Rex

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *